Abril 2016 - Vico Massagista e Quiropraxia - São José SC - Massagem Terapêutica, Massoterapia, Shiatsu, Ventosa

COLABORE COM O SITE, CLICANDO NOS ANÚNCIOS. OBRIGADO

COLABORE COM O SITE, CLICANDO NOS ANÚNCIOS. OBRIGADO

COLABORE COM O SITE, CLICANDO NOS ANÚNCIOS. OBRIGADO

terça-feira, 19 de abril de 2016

Dores de cabeça provocadas pela tensão muscular - Conheça as alternativas oferecidas pela Acupuntura, Massagem Terapêutica e Quiropraxia

Dores de cabeça provocadas pela tensão muscular - Conheça as alternativas oferecidas pela Acupuntura, Massagem Terapêutica e Quiropraxia


Dores de cabeça e a tensão muscular

As tensões musculares ocorrem, em tantas circunstâncias, fruto de maus hábitos que se mantêm no quotidiano, seja em atividades físicas intensas, seja no trabalho ou até mesmo nos momentos de lazer. As más posturas, o stress e a ansiedade, ou o carregamento de pesos excessivos acabam por pesar sobre toda a zona lombar, afetando o pescoço e os ombros e arrastando-se até à cabeça.

Este tipo de dores de cabeça, habitualmente conhecidas como cefaleias tensionais, tendem a piorar no decurso do dia, começando de forma mais leve e aumentando de intensidade com o passar das horas. Pode manifestar-se inicialmente como um peso na testa e desenvolver-se como sintomas de rigidez e estender-se até à nuca. 


Dores de cabeça provocadas pela tensão muscular - Conheça as alternativas oferecidas pela Acupuntura, Massagem Terapêutica e Quiropraxia

A prevenção é o melhor remédio

Como em quase tudo, a melhor forma de tratar os problemas relacionados com as dores de cabeça com origem na tensão muscular é preveni-las. E isso pode passar por se obrigar a mudar alguns maus hábitos que tenha enraizados, nomeadamente no seu emprego. Se está obrigado a passar muitas horas em frente a um computador e a repetir processos e gestos consecutivamente, será conveniente que se habitue a parar por alguns minutos, para esticar o corpo e até desanuviar a alma!



Fazer com regularidade alongamentos é outra boa ideia para evitar a acumulação de tensões musculares. Os exercícios de relaxamento dos músculos, bem como a prática de exercício físico regular são outras soluções bem saudáveis para prevenir as cefaleias tensionais.

E trate de dormir bem, pois não há nada como um bom sono pacificador para descansar o corpo e recuperar energias para mais um dia de labuta. Não falamos somente de se atirar para a cama e de ressonar profundamente, sem culpas! É imprescindível que durma na posição correta e num ambiente verdadeiramente repousante para poder ter o seu merecido sono reparador.

Melhorar a sua postura, em termos gerais, ajudará também a retirar a pressão da zona lombar. E se se dedicar a tarefas de que gosta, nos seus tempos livres, poderá encontrar a paz necessária para se libertar do stress do dia-a-dia. Se conseguir fazer isso, estará a prevenir grande parte das dores de cabeça de foro muscular que afetam a sua vida. 



Dores de cabeça provocadas pela tensão muscular - Conheça as alternativas oferecidas pela Acupuntura, Massagem Terapêutica e Quiropraxia


Aposte nas massagens


Quando confrontada com dores tão perturbadoras e irritantes como as cefaleias tensionais, a maioria das pessoas tende a recorrer a um comprimido mágico, na busca de alívio. Mas os analgésicos não devem ser tomados com recorrência, sob pena de irem perdendo o seu efeito, já para não falar das consequências perniciosas que provocam.

Uma boa forma, e sem efeitos secundários, de causar um alívio de imediato é massajando pescoço, ombros e cabeça. Deite-se numa posição confortável, feche os olhos e procure relaxar enquanto executa massagens ligeiras e circulares. Desta forma conseguirá reduzir significativamente o incomodo.

Se puder investir nisso, procure um profissional de massagens para, regularmente, se deixar cair neste pequeno prazer. As suas mãos experimentadas permitir-lhe-ão entrar num limbo de suavidade que deve procurar carregar para o seu quotidiano.


Clínica de Acupuntura, Massagem Terapêutica, Massoterapia e Quiropraxia em São José (SC)

Dores de cabeça provocadas pela tensão muscular - Conheça as alternativas oferecidas pela Acupuntura, Massagem Terapêutica e Quiropraxia

Rua Arnaldo Bonchewitz, 29 - Centro - São José (SC)

(48) 3094-5746
(48) 8468-7452  Oi e Whatsapp
(48) 9678-7802  Tim

terça-feira, 5 de abril de 2016

Dores nos braços - principais causas e o que fazer





Dores nos braços - principais causas e o que fazer

Dores nos braços


As principais causas de dores nos braços são dores musculares, alguma forma de tendinite ou ainda circulação sanguínea ruim. Outras causas não tão comuns, podem ser bem mais perigosas como um ataque cardíaco, que muitas vezes faz o braço doer.


Um ataque cardíaco é causado pela falta de oxigênio nas células do coração, chamada de isquemia. A maioria dos ataques cardíacos é causada por arteriosclerose - um tipo de gordura acumulada dentro da parede dos vasos sanguíneos - ou trombose - que fecha o fluxo de sangue. Os sintomas de um ataque cardíaco são: dores no peito irradiando para o braço esquerdo (algumas vezes as dores são bem mais difusas, como dores na barriga), problemas ao respirar, enjôo ou angústia. Pode acontecer de a pessoa não sentir qualquer tipo de dor. Quando desconfiar de um ataque cardíaco, é importante chamar imediatamente uma ambulância ou se dirigir para hospital mais perto.


A maioria das dores nos braços não é perigosa e muitas delas têm uma melhora muito boa com a massagem, como a LER (lesão por esforço repetitivo), baixa circulação (formigamento, fraqueza) e cansaço muscular (dor após treino).


LER (lesão por esforço repetitivo) é uma doença razoavelmente moderna. Começou a ser registrada no século 19 durante a industrialização na Inglaterra. Para aumentar a produção, os funcionários das fabricas faziam o mesmo trabalho todos os dias. Por exemplo, apertar o mesmo parafuso. Esta prática deu origem às pesquisas científicas da LER. No tempo medieval, ela era chamada de doença dos escreventes. Hoje em dia, nós sabemos que a LER é uma inflamação forte no tendão ou em algumas fibras do músculo devido à sobrecarga de trabalho. Os tratamentos incluem descanso ativo, gelo, massagem, alongamento e fortalecimento do membro.


Posições de trabalho forçadas ou falta de movimento nos braços, podem causar a baixa circulação no braço. A artéria que leva sangue para o braço passa entre o escaleno anterior e o escaleno médio (dois músculos no pescoço), depois embaixo a clavícula (o osso que fica entre o esterno e a escápula) e depois embaixo dos peitorais menor e maior (o músculo do peito). O fluxo de sangue pode diminuir no braço se alguma estrutura do corpo, por exemplo o peitoral menor, pinça ou encosta demais na artéria. Isto pode levar a fraquezas, cansaço ou formigamento no braço. O tratamento é feito com alongamentos (principalmente na região do peito), massagem nos braços e exercícios para fortalecer a musculatura que não está forte suficiente para aliviar a região do ombro.


O cansaço muscular pode ter muito a ver com a falta de circulação no braço. Ele também pode ocorrer se a musculatura do braço estiver sobrecarregada. Alguns exemplos são os atletas que precisam usar muito da capacidade muscular no esporte ou pessoas que trabalham com algo que exija grande esforço nos braços (como um pedreiro que carrega sacos de cimento). O tratamento é muito simples: ou um dia de descanso ou massagem desportiva para tirar o excesso de ácido láctico da musculatura. Normalmente, a recuperação é muito rápida.




Massagem e alongamento são sempre bons para prevenir dores nos braços. A massagem libera hormônios como ocitocina no sangue, que relaxa a pessoa e traz bem estar. Alongamento, combate o endurecimento dos músculos e alivia tensões em geral.


Clínica de Massagem Terapêutica, Massoterapia, Acupuntura, Ajuste de Coluna (Quiropraxia), Reflexologia

Em São José - Centro - Rua Arnaldo Bonchewitz, 29  (próximo à Moto Panther)

Dores nos braços - principais causas e o que fazer
Dores nos braços - principais causas e o que fazer


Rápida recuperação e alívio das dores de coluna, nas costas, lombares, ciático, torcicolo, ombro, pescoço, joelho, tornozelo, cotovelo.  Indicada também para combater a ansiedade, estresse, cansaço e fadiga, síndrome do pânico e alívio da tensão nervosa (nervosismo)